Total de visualizações de página

quarta-feira, 13 de julho de 2011

MÃE, COMO ELA ESTÁ AGORA?


- Mãe, como será que a Tata tá agora?

- Ah, Ivy, ela tá lá no céu. Virou anjinho.

- Não mãe. Quero saber como ela tá lá dentro do caixão!

Silêncio.
Ficamos ali por alguns segundos, sentadas na minha cama, olhando uma pra outra.
Dava pra ver que ela perguntara, mas se arrependera.
Creio que ela temeu profundamente a resposta que eu daria.
Não tive como fugir da pior sensação que tive no dia do velório.
Voltei ao instante em que fecharam seu caixão e ao momento exato do seu sepultamento.
Escrevo isso chorando...
Nunca tive a certeza da perda definitiva de algo ou alguém antes.
Repeti a mim mesma naquele dia, silenciosa e infinitamente, que estava diante de uma derrota.

“Perdi... Perdi... Não sei como, mas perdi!”

Não importaria quanto escândalo eu fosse capaz de fazer ali, quantos gritos de dor eu pudesse dar.
Você não voltaria.
Ainda olhando pra Ivy, como que aguardando sua desistência em ouvir uma resposta, respirei fundo e falei:

- Lembra que eu te falei que a Tata virou anjinho? Então... O que fica no caixão é só um corpinho que não se mexe mais e não sente dor. Com o tempo, tudo que tá lá dentro vira pozinho.

Continuou em silêncio e, depois, se enchendo de coragem, tornou a perguntar:

- Até o ursinho?

- Sim, até o ursinho! Mas ele é o último a virar pozinho, porque ele tá lá o tempo todo cuidando do corpinho da Tata. Não foi pra isso que o colocamos no caixão com ela?

Ela me olhou de maneira bem séria, os olhinhos marejados e aquela boca de quem tá segurando um choro.
Encaixei, nesse momento tenso, um toque de palhaçada pra descontrair um pouco.
Ela riu.
Era hora de dormir e, como de costume, desejamos boa noite a você...


(Esta foto foi tirada pela própria Bianca, com o celular, e só a encontramos depois do enterro. Ela estava exatamente assim no caixão, mas ao invés dos cabelos emoldurando seu rostinho, havia um lenço prateado em torno de sua cabeça... Loucura isso...)

4 comentários:

  1. Toda a força do mundo pra você ! passei por uma situação parecida recentemente,é tenho noção da dor que você sente.As coisas que você escreve são tão lindas,os seu sentimentos parecem tão transparentes,a sua força inacreditável.

    ResponderExcluir
  2. Gabi...

    Dando uma conferida no meu blog percebi que havia um comentário a mais no post que eu fiz dedicado à Bibi. Queria que, se possível, vc desse uma olhadinha. Segue o link:

    http://vamosmudartudo.blogspot.com/2011/03/para-bianca.html


    *bjO

    ResponderExcluir
  3. lindo tudo, exatamente tudo que você posta aqui. imagino como esta sendo dificil pra voce, mais com a força que você tem, ira superar tudo.
    entro todos os dias aqui, sempre procurando encontrar coisa novas . beijos !

    ResponderExcluir
  4. thatymoises@hotmail.com19 de setembro de 2011 13:01

    o que eu posso dizer é que nesse momento só deus para confortar o corações aquebrantados,só deus para confortar nessa hora de dor e quando a tristeza invadir seu coraçaõ leia e medite nesse salmo é um salmo que eu amo muit0 salmo 91. e nas minhas oraçaões pedirei a deus que conforte o coraçaõ da familia que que chora no momento de dor beijos e desejos o melhor para a familia nessa hora taõ dificio.
    .

    ResponderExcluir

Por favor, deixe um email para contato.